Tragédia: Homem mata filho ao tentar defender a nora de agressão no sudoeste do PR

Um homem matou o próprio filho de 36 anos na madrugada desta quarta-feira, 14, em Marmeleiro, no sudoeste do Paraná, ao tentar defender a nora de agressão.

Conforme a polícia, a vítima chegou em casa na área rural e passou a agredir a mulher.

Com a intenção de defender a nora, o pai disparou um tiro de espingarda no filho que morreu no local.

Depois, ele fugiu levando a arma e deixou recado, através do sobrinho, de que deve se entregar à polícia.

Diligências policiais foram realizadas, mas o atirador não foi encontrado.

O corpo do rapaz, que já tinha sido denunciado antes da prática de agressões, foi encaminhado ao IML de Francisco Beltrão. (Texto: Rádio Web CP com informações do G1 PR e RPC Foz do Iguaçu).

Deixe uma resposta