Prefeito reafirma luta pelo retorno das atividades comerciais em Londrina

O prefeito Antonio Belinati (PP) continua sua luta para convencer a Secretaria Estadual de Saúde de que Londrina não deveria estar incluída na quarentena, determinada pelo decreto 4942, assinado pelo governador Ratinho Junior, no último dia 30 de junho.

Durante live realizada na noite deste domingo, 12, ele reafirmou que a cidade se preparou para a pandemia e, que, o município não enfrenta problemas com falta leitos, medicamentos, profissionais de saúde e EPI’s (equipamentos de proteção individual).

“Portanto, não há razão para seguirmos com as restrições impostas pelo governo do estado”, comentou. Belinati explicou ainda que dez entidades londrinenses encaminharam uma ação judicial solicitando autonomia ao prefeito de Londrina sobre as decisões a serem tomadas neste período epidêmico, mas, infelizmente, saiu uma liminar negando o pedido

Por seu lado, o prefeito disse que já encaminhou dois recursos administrativos (um retirando Londrina da quarentena e outro pedindo a não prorrogação do decreto após terça-feira, 14). “Mas, até agora não houve resposta para estas petições”, informou. (Texto: Rádio Web CP com informações live/facebook).

Deixe uma resposta