Mulher liga para 190 pedindo pizza e policial entende pedido de socorro

Uma mulher de 54 anos ligou para o número 190 da polícia, na noite de quarta-feira (26), em Andradina, no interior de São Paulo, e pediu uma pizza. Um PM que atendia aos chamados do Copom (Comando de Policiamento do Interior), em Araçatuba, desconfiou que pudesse ser um pedido de socorro e encaminhou uma equipe até o local e, de fato, se tratava de um caso de violência doméstica. As informações são do UOL.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, o suspeito, um homem de 57 anos, fugiu assim que a viatura da polícia se aproximou. A mulher que havia ligado supostamente pedindo uma pizza, denunciou que estaria sofrendo agressões físicas e psicológicas do marido.

À polícia, ela disse que o companheiro passou mais de 20 anos preso e que, desde voltou para casa, a agredia verbalmente, com xingamentos e ofensas, e que naquele mesmo dia a havia ameaçado de morte e a aos filhos dela. (Rádio Web CP com conteúdo do site istoe.com.br).

Deixe uma resposta