Em Cornélio Procópio, Mostra de Arte e Cultura homenageia“Ialorixá Néia”, falecida em julho

A inauguração de um painel em homenagem à memória da “Ialorixá Néia de Oyá” (Edinea Pereira de Souza) marcou mais uma atividade das comemorações em Cornélio Procópio do Dia da Consciência Negra transcorrido no último dia 20.

Néia, como era conhecida na comunidade, tinha 50 anos e morreu em julho deste ano com problemas de coração quando ainda se recuperava do tratamento da Covid-19. O ato contou com a presença do prefeito Amin Hannouche.

“Eu fico muito feliz em participar de um evento cultural como esse, homenageando uma figura ilustre de Cornélio Procópio com quem tivemos tantas conversas e nos deixou uma recordação muito boa”, manifestou o prefeito Amin Hannouche na cerimônia, realizada na quadra de esportes da Vila América (zona norte da cidade). Pregou a continuidade de eventos como esse. “Até o último dia de meu mandato, estarei incentivando qualquer iniciativa que permita às pessoas curtir o que gostam”, prometeu.

A promoção teve à frente a Secretaria Municipal de Cultura, em parceria com Fecop,  UTFP-PR  e a Universidade Estadual Norte do Paraná (Uenp). “Trata-se de uma ação que tem envolvido onze municípios do Paraná e São Paulo e hoje inauguramos esse painel em grafite em homenagem à falecida ‘Ialorixá Néia’ que foi sempre uma pessoa muito engajada com as questões étnico-raciais”, explicou James Rios, diretor de Cultura da UENP. Érika Pereira de Souza (Érika de Xangô), falou em nome da família da homenageada.

O ato foi animado  com roda de capoeira pelos grupos Maculelê e Angoleiros do Interior e contou também com a presença dos diretores da Fecop e da Cultura, respectivamente, Valdir Bueno e Ademir Balera (Coruja), familiares da homenageada e apresentações do grupo coletivo Ubuntu – Angoleiros do interior.

“Uma promoção que resgata essa cultura para a comunidade. Nossa meta e seguir fazendo o que a comunidade quer”, disse Balera em sua fala. A promoção integra a 7ª Mostra de Arte e Cultura Afro-Brasileira da Região Norte do Estado sob o tema Arte, Rua e Trabalho Como Identidade Visual. (Rádio Web CP/Comunicação/Prefeitura).

Deixe uma resposta