Cornélio Procópio: Quem escolher vacina irá para o final da fila

O prefeito Amin Hannouche (PSD) de Cornélio Procópio assinou esta semana o decreto 378/2021, determinando que o cidadão que optar por não ser vacinado, terá que assinar, obrigatoriamente, um termo de responsabilidade e voltará para o final da fila.

A medida levou em conta que a vacinação é o único meio existente para a redução de sintomas, internações, casos graves e óbitos pela COVID-19, bem como possível redução da circulação do vírus.

Outro aspecto observado foi a negativa de algumas pessoas de receberem o imunizante, após serem informados sobre a vacina que estava sendo aplicada no momento.

Amin consderou também a decisão do STF, que impede os infratores de frequentarem determinados lugares, como escolas e transporte público. O decreto entrou em vigor na data de sua assinatura, 05 de julho de 2021. (Texto: Rádio Web CP). CLIQUE AQUI PARA VER O DECRETO

Deixe uma resposta