Acusado de matar ex-mulher e irmã dela em Amoreira é condenado a 49 anos de prisão

A justiça acaba de condenar a 49 anos e 10 meses de prisão, o homem acusado de matar a ex-mulher e a irmã dela a facadas em novembro de 2019, no município de São Sebastião da Amoreira, 40 km de Cornélio Procópio.

Odair Tavares dos Santos, 49 anos, teria invadido a casa da irmã da ex e, durante discussão, esfaqueado as vítimas.

No momento do duplo feminicídio, a filha de 16 anos conseguiu fugir e não ficou ferida.

O criminoso se evadiu, mas se entregou pouco depois na sede da Polícia Militar e confessou os crimes.

Odair respondia processo em liberdade por ter agredido a ex, antes do assassinato, desferindo golpes no rosto e pernas.

Na época, ele teria ameaçado a ex, Leonice, de morte, dizendo que não tinha medo da justiça, pois já havia desferido 35 facadas em outra ex-companheira. (Texto: Rádio Web CP com informações da RPC Londrina).

Deixe uma resposta