Pai morre asfixiado em Arapongas e suspeita do crime é a filha

Um homem de 68 anos morreu asfixiado na manhã de sexta-feira, 14, em Arapongas, e, segundo a polícia, a suspeita do crime é a própria filha de 35 anos.

De acordo com a investigadora Mirian Hirata, a filha sofre de distúrbios psicológicos com diagnóstico divulgado de esquizofrenia.

Ela ainda não foi encontrada e o corpo de Inauro da Silva foi encaminhado ao IML de Apucarana. (Texto: Rádio Web CP com informações do Bonde).

Deixe uma resposta