Primeiro caso da variante indiana é confirmado no Paraná, diz Sesa

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) registrou, nesta quarta-feira (2), o primeiro caso da cepa B.1.617 no Paraná, popularmente conhecida como variante indiana ou delta, na nova classificação da Organização Mundial da Saúde (OMS).

A Sesa informou que a identificação foi realizada por sequenciamento genômico do vírus SARS-CoV-2, realizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) com amostra de um caso confirmado do Paraná.

A paciente é uma mulher de 71 anos, moradora da cidade de Apucarana, no norte do estado. Ela tem comorbidades e apresentou os sintomas da doença no dia 19 de abril após contato com casos confirmados.

Segunda a secretaria, ela realizou coleta de exame RT-PCR para diagnóstico da Covid-19 no dia 26 de abril.

A mulher chegou a ficar hospitalizada e teve alta.

De acordo com a Sesa, a paciente morava com o marido, de 74 anos, e o filho, de 58. Os três foram diagnosticados com o novo coronavírus. O filho morreu pela doença no dia 17 de maio.

A equipe de Vigilância Epidemiológica municipal informou que realiza acompanhamento dos familiares e dos contatos próximos a eles. Além disso, abriu uma investigação epidemiológica sobre o caso. (Rádio Web CP com conteúdo do G1 PR/Curitiba). LEIA MAIS

Deixe uma resposta