Mulher de 33 anos é morta pelo ex, mesmo tendo medida protetiva contra ele no interior de SP

Uma mulher de 33 anos morreu após ser baleada pelo ex-companheiro na manhã desta segunda-feira, 09, em uma loja de pneus, localizada na Avenida Dois Córregos, em Piracicaba, no interior do estado de São Paulo.

Segundo a Polícia, o autor dos disparos estaria perseguindo a vítima desde a separação em maio, de uma união estável de 7 anos.

O gerente Marcos Alves, 49 anos, deu um tiro na cabeça e outro no braço de Adriele Francine Dezotti, 33 anos, e depois atirou contra seu próprio peito.

Socorristas foram acionados, mas ambos morreram no local. A delegada Olívia dos Santos Fonseca relatou que a motivação do crime está sendo apurada, porém, sabe-se que a mulher estava sob a égide de medida protetiva de urgência.

“Mas, isso não foi suficiente para impedir o crime de hoje” acrescentou. (Texto: Rádio Web CP com informações do G1 Piracicaba e Região).

Delegada Olívia dos Santos Fonseca: polícia ouviu testemunhas e aguarda laudos sobre caso feminicídio. – Foto: Rodrigo Pereira/G1 Piracicaba

Deixe uma resposta