Justiça decreta prisão preventiva de suspeitos da morte de empresário em Londrina

A Justiça homologou a prisão em flagrante e decretou a prisão preventiva dos dois homens suspeitos de envolvimento na morte de um empresário na região sul de Londrina, no norte do Paraná.

A decisão ocorreu durante audiência de custódia realizada nesta sexta-feira (21). O crime ocorreu na noite de quarta-feira (19), e os suspeitos foram presos na quinta-feira (20).

Segundo a Polícia Militar (PM), o homem estava em um carro com a mulher e foi rendido por três assaltantes quando saía de um condomínio, na zona sul da cidade.

A esposa contou à polícia que o marido foi baleado enquanto tirava o cinto de segurança para entregar o carro aos ladrões.

O tiro acertou a cabeça do empresário. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu na ambulância, a caminho do hospital. A mulher não ficou ferida. O corpo do empresário foi enterrado ainda na quinta-feira.

A determinação pela prisão preventiva foi do juiz Délcio Miranda da Rocha. Segundo o magistrado, os suspeitos foram reconhecidos pela esposa do empresário e agiram de forma violenta.(Rádio Web CP com informações do G1 PR e RPC Londrina). CLIQUE PARA LER MAIS

Deixe uma resposta