Após prestar queixa de agressão na delegacia, jovem morta a tiros pelo ex no interior de SP

Foi sepultado sábado, 16, no cemitério de São Manuel, interior do estado de Sao Paulo, o corpo de Adriellie Rodrigues, 22 anos, assassinada na quinta-feira, 14, pelo ex-namorado Cristiano Gomes, após prestar queixa de agressão contra ele.

Depois disso, a jovem chegou a mandar uma foto para a mãe mostrando que o autor do crime estava no seu encalço.

Ao sair da delegacia em uma moto, Adrielli, foi atingida por disparos e arma de fogo, e, mesmo sendo socorrida e encaminhada ao Hospital das Clínicas de Botucatu, não resistiu aos ferimentos.

Preso sob acusação de feminicídio, Cristiano atribuiu a culpa do crime à ex-namorada. Já a moça, que denunciou o rapaz por ameaça e agressão, teria pedido medida protetiva contra ele.

A mãe dela, Kate Cilene Roberta da Cruz desabafou: Ele arrancou um pedaço de mim. Ela era a coisa mais importante da minha vida. Mas, sempre lembrarei dela como a menina maravilhosa que ela era”. ( Texto: Rádio Web CP com informações do G1 Bauru e Marília).

Deixe uma resposta