Aniversário dos 82 anos de Cornélio tem jogo histórico no Ubirajara Medeiros: Pstc 04 X 03 Brasil

Torcedores de Cornélio Procópio e da região presenciaram na noite de quinta-feira, 13, no estádio municipal Ubirajara Medeiros, um jogo histórico envolvendo seleções de master do PSTC e do Brasil.

E os campeões mundiais pouco importaram com o placar de Pstc 04 X 03 Brasil. Para eles, rever os amigos e receber o carinho do público, ao mesmo tempo, não tem preço.

Entre os jogadores, o técnico Reginaldo Vital do Pstc foi o destaque da equipe da casa, enquanto Cleberson brilhou na seleção, além de Fernandinho, que deixou Londres, onde atua no futebol inglês, para participar da festa.

Apesar dos seus 78 anos, Ademir da Guia do Palmeiras foi muito aplaudido durante os minutos em que permaneceu em campo.

O jogo das lendas comemorou ao mesmo tempo, o aniversário de 25 anos do Pstc, os 82 anos de Cornélio Procópio e os 50 anos do estádio Ubirajara Medeiros.

No final, os torcedores puderam tirar muitas selfies com seus ídolos. O prefeito Amin Hannouche e o deputado estadual Luís Claudio Romanelli também estiveram presentes.

Antes do jogo das lendas, foi realizada uma partida envolvendo outro grupo de Master do Pstc contra o Guarani Center e, Dagoberto, que fez história no São Paulo e, recentemente, teve uma pequena passagem pelo Londrina, estava lá (foto acima).

O atual treinador da equipe do Pstc, Reginaldo Vital, agradeceu a presença do torcedor e considerou o futebol como um momento de alegria, além de ter ficado feliz em voltar a jogar, principalmente, no meio de tantas feras.

Dizendo ter muito orgulho de sua origem (Uraí/Ibiporã-PR), o pentacampeão Cleberson falou um pouco de seleção.

Para ele, o selecionado brasileiro vive um momento de transição. “Até a primeira década de 2000, tivemos uma boa safra, mas, agora o futebol evoluiu muito.

“Se exige demais do jogador e é grande a cobrança, falta paciência, porém, o nosso futebol vai melhorar, eu espero e torço por isso”, completou. (Texto: Rádio Web CP).

Deixe uma resposta