Adolescente encontrada morta em Maringá foi estuprada, diz polícia

O Departamento de Homicídios da Polícia Civil de Maringá informou na noite de terça-feira, 07, que um laudo do IML aponta que a adolescente Jeniffer Tavares, 16 anos, encontrada morta no mesmo dia, teria sido estuprada.

Além dos abusos, a jovem sofreu traumatismo craniano e asfixia por esganadura, conforme os exames.

A amiga que estava com ela na festa contou à polícia que chamou a jovem para ir embora após o evento, mas ela preferiu ficar na companhia de dois rapazes já identificados.

A polícia continua investigando o caso e até a madrugada desta quarta-feira, 08, ninguém havia sido preso. (Texto: Rádio Web CP com informações da RPC Maringá).

Deixe uma resposta